domingo, 25 de janeiro de 2015

 

COISAS QUE ESTOU PLANTANDO.

A internet está muito lenta depois posto mais.
Ontem plantei:-
Acerola, longan, louro, romã, alecrim,
maracujá doce, pimenta malagueta, hortelã,  
orégano, manjericão roxo e verde, alfavaca,
sálvia, figo...
...acho que foi só isso...
se foi mais coisa, depois escrevo...




quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

 

DIZ PRA MIM:- É OU NÃO É UMA PUTARIA ESSE STF?

 
ciomara

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

 

OLHA PORQUE NÃO PERDOO!

 PAGUEI R$ 1,18 POR 4 G (QUATRO GRAMAS) DE FOLHAS DE LOURO 
E EM CASA O PÉ DE LOURO, QUE MEU PAI PLANTOU PARA MIM, ESTÁ LÁ, PERDIDO!!!!
CHEIO DE 4 G DE LOURO PERFUMADO!
DIGO "LOURO PERFUMADO" PORQUE COLOQUEI UMAS FOLHAS, DESSE LOURO QUE COMPREI, NO ARROZ E FOI A MESMA COISA QUE NÃO PÔR NADA!!! 
 TUDO QUE EU TINHA E AMO FICOU LÁ! 
...NA ÁREA CONTAMINADA PELA SHELL QUÍMICA LTDA.
DA ONDE FUI ARRANCADA SEM DÓ NEM PIEDADE!!!!
MALDITA SHELL.
ciomara 

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

 

HOJE É REFLEXO DE ONTEM PARA TODO MUNDO!!! VIU?

 
ciomara

 

ESTOU QUASE CONSEGUINDO ISSO DE VOLTA!

Foto de Dalva Cury.
 
ciomara

segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

 
 
ciomara

 

QUEREM MAIS??????

meus móveis foram assim para o "guarda móveis" que a shell pagou
...esse espelho do meu toilette (penteadeira) eles embalaram.
...e voltaram assim!!!!
essa é a minha sapateira.
atras da sapateira da pra ver a cabeceira da minha cama.
Quem se responsabilizou???
Nem o Dunha!!!
 BOA NOITE/MADRUGADA!
VOU ESCREVER UMA COISA PORQUE TRÊS, OU MAIS, PESSOAS JÁ ME FALARAM/PERGUNTARAM A MESMA COISA.
A MAIORIA DAS PESSOAS PENSA, QUE EU, COMO MORADORA E PROPRIETÁRIA DE CHÁCARA NO BAIRRO CONTAMINADO PELA SHELL, EM PAULÍNIA, RECEBI UMA INDENIZAÇÃO MILIONÁRIA, SEMPRE CONFUNDEM COM AS INDENIZAÇÕES DOS EX-TRABALHADORES*.
QUANDO DIGO QUE NÃO, QUE É DIFERENTE, QUE OS TRABALHADORES FOI PELA 
JUSTIÇA TRABALHISTA
ETC., ELES CONTINUAM NÃO ENTENDENDO E DIZEM:- AH! ELES TRABALHAVAM DIRETO COM OS PRODUTOS E VOCÊS ESTAVAM LONGE!
CORRIJO DE NOVO E EXPLICO QUE É DIFERENTE!
A "JUSTIÇA" CÍVEL É OUTRO DEPARTAMENTO!!!
E QUE SE FOSSE VER, PELA EXPOSIÇÃO AOS VENENOS/CONTAMINANTES E ETC., 
NÓS, MORADORES, FICAMOS MUITO MAIS EXPOSTOS DO QUE OS TRABALHADORES!!!
OS TRABALHADORES TRABALHAVAM 8 HORAS POR DIA E COM EPI ( equipamento de proteção individual) E NOSSO CONTATO ERA DE 24 HORAS POR DIA, SEM PROTEÇÃO NENHUMA, CONSUMINDO TUDO QUE PRODUZÍAMOS ALI, DESDE ÁGUA, FRUTAS, LEGUMES E NO CASO DA MINHA FAMÍLIA, NÓS, QUE REALMENTE MORÁVAMOS LÁ, DESDE O LEITE E OVOS ERAM PRODUZIDOS NA CHÁCARA, NA ÁREA CONTAMINADA!!!
POUCA COISA VINHA DE FORA!
MAS...!!!!
VÁRIOS FATORES NÃO PERMITIRAM QUE A JUSTIÇA FOSSE FEITA, COMO REALMENTE DEVERIA TER SIDO FEITA!
HOUVE POUCO CASO, NEGLIGENCIA, INTERESSES ALHEIOS AOS MEUS INTERESSES E DIREITOS!
HOUVE MUUUUUUUUUUUITO OPORTUNISMO E MÁ-FÉ!!!
JUNTANDO TUDO ISSO COM
A FAMOSA
JURISPRUDÊNCIA!
QUEM SE 
F......U
FUI 
EU!!!!
ESSA É A SANTA PUTA DA NOSSA JUSTIÇA!!!!
QUER QUE EU CHORE???
KKKKKKK
É MAIS FÁCIL EU DAR RISADA!!!
ciomara

sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

 

RIR É COMIGO MESMO, MAS O RESTO!!!...

UM EU NÃO CONSIGO, O OUTRO EU NUM "GUENTO"!!!
 
ciomara

quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

 

minhas flores!!!

 
ciomara

terça-feira, 30 de dezembro de 2014

 

FIBROMIALGIA


 O CORPO TRAVADO, AS DORES  ESPALHADAS PELO CORPO TODO E O CANSAÇO O DIA TODO, DERAM UMA MELHORADA...
MAS OS EFEITOS COLATERAIS DO  REMEDINHO E A INTERAÇÃO MEDICAMENTOSA COM OS AGROTÓXICOS ACUMULADOS NO MEU ORGANISMO....
ESTÃO ME DANDO UM TRABALHO!!!
AINDA NÃO CONSEGUI FALAR COM MEU MÉDICO.
ESSE NEGÓCIO DE NATAL E ANO NOVO SÓ ATRAPALHA!
ABRAÇO PARA TODOS, MAS NÃO APERTA MUITO QUE DÓI!!!!!
ciomara

sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

 
 
ciomara

quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

 

POIS É!

COMO ESCREVI, EM POSTAGENS ANTERIORES, ESTOU TENDO QUE TOMAR GABANEURIN, 
E ESSE REMÉDIO NÃO ESTÁ ME FAZENDO BEM.
JUNTANDO OS EFEITOS COLATERAIS E O FATO DA MINHA EXPOSIÇÃO REAL, POR MAIS DE 20 ANOS, A CONTAMINANTES, POP'S, CHEGA-SE A UMA INTERAÇÃO MEDICAMENTOSA!!!!
OU SEJA,
JUNTA QUÍMICA COM QUÍMICA E 
EM VEZ DE FAZER BEM ESTÁ FAZENDO MAIS MAL!!!
ISSO ACONTECEU COM MEUS FILHOS EM 1978 E 1980 ANO DO NASCIMENTO DELES.
E SÓ CONSEGUI EQUILIBRAR A SAÚDE/VIDA DELES, QUANDO COMECEI TRATA-LOS COM HOMEOPATIA!
AÍ A INTERAÇÃO MEDICAMENTOSA ACABOU E CONSEGUI "IR LEVANDO".
A FIBROMIALGIA  AINDA NÃO É BEM ENTENDIDA, É DIFÍCIL DE SER DIAGNOSTICADA E AS CAUSAS NÃO SÃO LÁ BEM CONHECIDAS.
JÁ LI E POSTEI ESTUDOS QUE LIGAM A FIBROMIALGIA A EXPOSIÇÃO A AGROTÓXICOS, AGORA, PESQUISANDO MAIS, ENCONTREI ESSES RESULTADOS NESSAS POSTAGENS ABAIXO.
BOM, RESUMINDO:-
VOU OPTAR PELA APITERAPIA.
SEI QUE RESOLVERÁ.
MAS ANTES TENHO QUE FALAR COM MEU MÉDICO.
ELE É NISEI, VAI SABER COMO LIDAR COM MINHA OPÇÃO.
JÁ TIVE UMA EXPERIENCIA  BEM SUCEDIDA COM ABELHAS.
AH! A SHELL?
VAI BEM OBRIGADO!!!!
LINDA, LIVRE, LEVE E SOLTA!!!!
KKKKKKKKK
ciomara

 
DOENÇAS E SINTOMAS

FIBROMIALGIA

Fibromialgia caracteriza-se por dor crônica que migra por vários pontos do corpo e se manifesta especialmente nos tendões e nas articulações. Trata-se de uma patologia relacionada com o funcionamento do sistema nervoso central e o mecanismo de supressão da dor que atinge, em 90% dos casos, mulheres entre 35 e 50 anos. A fibromialgia não provoca inflamações nem deformidades físicas, mas pode estar associada a outras doenças reumatológicas o que pode confundir o diagnóstico.
Causas
A causa específica da fibromialgia é desconhecida. Sabe-se, porém, que os níveis de serotonina são mais baixos nos portadores da doença e que desequilíbrios hormonais, tensão e estresse podem estar envolvidos em seu aparecimento.
Sintomas
* Dor generalizada e recidivante;
* Fadiga;
* Falta de disposição e energia;
* Alterações do sono que é pouco reparador;
* Síndrome do cólon irritável;
* Sensibilidade durante a micção;
* Cefaleia;
* Distúrbios emocionais e psicológicos.
Diagnóstico
O diagnóstico da fibromialgia baseia-se na identificação dos pontos dolorosos. Ainda não existem exames laboratoriais complementares que possam orientá-lo.
Tratamento
O tratamento da fibromialgia exige cuidados multidisciplinares. No entanto, tem-se mostrado eficaz para o controle da doença:
* Uso de analgésicos e antiiflamatórios associados a antidepressivos tricíclicos;
* Atividade física regular;
* Acompanhamento psicológico e emocional;
* Massagens e acupuntura.
Recomendações
* Tome medicamentos que ajudem a combater os sintomas;
* Evite carregar pesos;
* Fuja de situações que aumentem o nível de estresse;
* Elimine tudo o que possa perturbar seu sono como luz, barulho, colchão incômodo, temperatura desagradável;
* Procure posições confortáveis quando for permanecer sentado por mito tempo;
* Mantenha um programa regular de exercícios físicos;
* Considere a possibilidade de buscar ajuda psicológica.
 
ciomara

 
 

Estudo diz que a fibromialgia vem acompanhada de risco de suicídio





Segundo pesquisadores, pessoas com fibromialgia não tem só fibromialgia. Eles alertam os médicos que tratam desses pacientes para ficarem atentos a sinais de depressão e de tendências suicidas.
Pacientes com fibromialgia sofrem de dor generalizada e têm pontos sensíveis que são dolorosos ao toque. Não há cura para a doença e a medicação muitas vezes não é útil. Dessa forma, a dor se torna ruim o suficiente para perturbar a vida cotidiana dos pacientes durante anos. Cerca de 90% das pessoas com a doença são mulheres.
Os investigadores descobriram que o risco de morte por suicídio era dez vezes maior nas mulheres diagnosticadas com esta condição de dor crônica do que na população em geral. As taxas de doenças psiquiátricas também eram mais altas, e foi encontrado um risco maior do que a média de morte por doença hepática e acidente vascular cerebral.
Os autores do estudo dizem que é necessário avaliar os pacientes com a doença para detectar a presença de transtornos psiquiátricos, especialmente transtornos de humor e ansiedade. Mas essas outras doenças psiquiátricas, que muitas vezes ocorrem em conjunto com a fibromialgia, podem não ser a única explicação para as altas taxas de suicídio.
Nenhum dos pacientes do estudo que se suicidaram tinham um histórico de doenças psiquiátricas antes de serem diagnosticadas com fibromialgia. A alta taxa de suicídio pode estar ligada à depressão nesses pacientes, ou a anti-depressivos que são conhecidos por acarretar o risco de suicídio.
Os estudiosos ainda dizem que muitos desses pacientes não tomam os medicamentos anti-depressivos por causa dos efeitos colaterais, ou porque não se sentem deprimidos. A dor pode ser um dos principais motivos para o suicídio em si.
As maiores taxas de suicídio também foram encontradas em quem estava cansado o tempo todo, e muitas pessoas com fibromialgia queixam-se de problemas de sono e fadiga.
Algumas mulheres no estudo morreram de doença hepática. Não está claro o que causou a taxa mais elevada de doença hepática nessas pacientes, mas pessoas com fibromialgia têm maior probabilidade de ter excesso de peso e não podem fazer muito exercício por causa de sua dor muscular, o que os leva a um maior risco de problemas cardíacos. 
ciomara

 

Tratamiento de Fibromialgia con apiterapia, acupuntura y naturopatía

Fibromialgia:

LA FIBROMIALGIA

La Fibromialgia fue reconocida como enfermedad por la OMS en el año 1992. 
Es una alteración que se produce en nuestro sistema sensorial, y que provoca dolor persistente en diferentes zonas del cuerpo como la zona cervical, espalda, zona lumbar, caderas, articulaciones, extremidades o la cabeza. 
A menudo viene acompañado de fatiga o cansancio sin haber realizado ningún esfuerzo físico. También produce alteraciones en el sueño. 

Los síntomas principales son dolor, cansancio, empeoramiento con el frío, rigidez matutina, trastornos del sueño, hormigueo en las manos o piernas o ambas, dolores de cabeza, dificultad para concentrarse, ansiedad, estados de ánimo variables, dolores pre-menstruales, colon irritable, incontinencia urinaria, etc.

Todavía no son bien conocidas pero se observa a menudo que situaciones de carga física o emocional sostenida  favorecen la aparición en personas probablemente predispuestas. 
 
Tras años de aplicaciones con abejas y terapia con los productos de la colmena se puede afirmar que la Apiterapia es un tratamiento muy eficaz para esta dolencia 
El tratamiento de Fibromialgia con apiterapia, acupuntura y naturopatía ha dado unos resultados excelentes. Hay que tener en cuenta que el veneno de abeja es 80 veces más potente como calmante del dolor que la morfina, 500.000 veces más potente que cualquier otro antibiótico conocido. Y no tiene efectos secundarios. La Acupuntura regula los procesos orgánicos del cuerpo, de tal forma que es el propio cuerpo el que cura. Y la naturopatia trata las enfermedades con todas las herramientas naturales a su alcance de forma que no utiliza medicinas que produzcan daños secundarios.
Si quiere que le quitemos el dolor de Fibromialgia, póngase en contacto con nosotros en correo electrónicoalicia@abejasparaeldolor.com o en el teléfono 690 71 78 49 y explíquenos su caso.
A partir de ahí ampliaremos toda la información y empezaremos el tratamiento si su patología lo permite. 

MEJORE SU CALIDAD DE VIDA Y NO DEJE QUE LA ENFERMEDAD "FIBROMIALGIA" LE IMPIDA CONTINUAR. CONFIE EN NOSOTROS SOMOS PROFESIONALES.


 
ciomara

 
 
ciomara

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

 

MÉDICO ME RECEITOU GABANEURIN , NÉ SHEL???

MAS VOCÊ ESTÁ LIVRE!!!!
FIZ ACORDO!
TE DEIXEI LIVRE, SOLTA E IMPUNE!!!
KKKKKK

Fibromialgia: dor que não pára

A fibromialgia pode ser desesperante para quem sofre de uma dor persistente, que o mantém cansado dia e noite. Estar informado, fazer um diagnóstico atempado e seguir o tratamento adequado, são formas de fazer frente a uma doença nem sempre é bem compreendida.
  04/12/2014
A Fibromialgia é caracterizada por uma dor generalizada e persistente e hipersensibilidade a estímulos dolorosos
    
 Compartilhar 
Segundo a Associação Portuguesa de Fibromialgia, há descrições da doença desde meados do séc. XIX, embora só no final da década de 70 tenha sido reconhecida pela Organização Mundial de Saúde como tal.
Estima-se que 2-8% da população adulta sofra de fibromialgia e a maioria dos casos – 80 a 90% - são mulheres com idade entre os 30 e os 50 anos.
Na Unidade da Dor do Hospital Lusíadas Lisboa, "sem ter uma casuística estabelecida, posso referir que estamos, neste momento, a tratar cerca de quatro dezenas de doentes com Fibromialgia, e que surgem à volta de seis a 10 novos casos por ano", afirma José Caseiro, coordenador da Unidade de Tratamento da Dor do Hospital Lusíadas Lisboa.​

 

Sintomas

Iva Brito, reumatologista do Hospital Lusíadas Porto, ajuda a identificar os sintomas:
- Queixas de dor persistente, inespecífica e espalhada pelo corpo todo;
- Dor que se estende por um período superior a três meses, mas o doente não encontra uma causa definida;
- Cansaço ao acordar e uma fadiga extrema durante o dia, não justificável pelas ações do quotidiano;
- Falta de concentração e alguns episódios de desmemoriação;
- Em 25% dos casos há mesmo casos de depressão. Tipicamente, os doentes com fibromialgia manifestam algum sentimento de desespero, que o médico tenta atenuar.
 

Diagnóstico

"A Fibromialgia é um distúrbio crónico com dor generalizada e hipersensibilidade a estímulos dolorosos e o diagnóstico deve ser efetuado por um clínico com experiência em lidar com a doença", esclarece José Caseiro.
"Embora não haja exames específicos, devem ser efetuados alguns para se excluírem outras patologias de âmbito reumatológico, doenças autoimunes ou hipotiroidismo, por exemplo", continua o especialista. "O impacto e distribuição da dor deverão ser avaliados, bem como a performance cognitiva e as oscilações do humor. Sendo uma síndroma de fadiga crónica, a associação de fadiga, dor e perturbações do sono estão quase sempre presentes", acrescenta.
 

Tratamento da Dor

"Deste ponto de vista, tem similitude com outras situações clínicas de dor crónica, pelo que a estratégia de abordagem tem quase sempre mais importância do que a exclusiva escolha dos medicamentos a utilizar", esclarece o coordenador da Unidade de Tratamento da Dor do Hospital Lusíadas Lisboa.
Para José Caseiro, "o exercício aeróbico, a harmonia alimentar e o equilíbrio psicológico são armas poderosas no acompanhamento destes doentes". Mas poderão igualmente ser utilizados medicamentos, "sendo habitualmente preferíveis as terapêuticas multimodais com associação judiciosa de fármacos de grupos diferentes que, associados, possam contribuir para o alívio sintomático".
Segundo este especialista, as terapêuticas à base dos anti-inflamatórios deverão ser evitadas. "Defendemos, sim, a introdução de medicamentos com capacidade de interferência na componente neuropática das manifestações dolorosas (alguns anticonvulsivantes, determinados antidepressivos, analgésicos não-AINES, relaxantes musculares, etc...)
 

Causas

"O doente não reconhece uma causa definida para a dor persistente,
mas sabe-se que pode estar relacionada com um evento traumático passado, físico ou psicológico",
explica a reumatologista Iva Brito.
Independentemente do que se venha a descobrir sobre a origem desta síndrome, quem sofre reconhece-a bem e sente que, por vezes, a maior dificuldade é ser levado a sério nas suas queixas, quando apresenta exames e análises com valores normais. "O maior inimigo de quem sofre de fibromialgia é a errada e incompreensível desconfiança que ainda existe sobre a doença, seja de alguns setores clínicos seja da sociedade civil, particularmente dos que rodeiam os doentes e que se cansam de lidar com eles, como os familiares diretos ou colegas de trabalho". A informação é, por isso, determinante. Partilhe-a.

  
ciomara

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

 
 
ciomara

This page is powered by Blogger. Isn't yours?